Hospitall João XXIII divulga resultados após implantação de Protocolo

TV Globo Minas - MGTV 1a. Edição
18/09/2009

 

O Hospital João XXIII divulgou um balanço dos atendimentos desde a implantação do chamado Protocolo de Manchester, há um ano. 

É um sistema de triagem, em que o estado de saúde dos pacientes é indicado por cores, que determinam o tempo de espera. O atendimento a pacientes que não estavam com problemas sérios foi reduzido. Mas muita gente ainda procura o pronto-socorro sem necessidade. 

Todos os dias, cerca de 400 pessoas passam pelas duas salas de triagem do Hospital João XXIII, segundo a direção. Cinquenta profissionais foram treinados para fazer essa triagem. Eles seguem um procedimento chamado de Protocolo de Manchester, que avalia a prioridade de atendimento. Cada paciente recebe uma pulseira com a cor correspondente ao tempo de atendimento, de acordo com o quadro clínico. Daiane, de um ano, caiu do berço. Ela recebeu a pulseira amarela. 

O sistema implantado em agosto do ano passado já teve resultados. O índice de atendimento de casos graves era de 35% em julho de 2008. Em julho deste ano, passou para 50%. O hospital passou a atender menos casos que não são graves. Eles representavam 62% do total. O índice baixou para 43%. 

Em casos menos graves, o paciente deve procurar um posto de saúde ou uma Unidade de Pronto-Atendimento.